Últimos assuntos
PRÓLOGO
No ano de 1856 nascia no estado do Texas a pequena cidade de St. Alberta. Uma cidade que surgiu do garimpo de pedras preciosas e por isso atraiu olhares de pessoas dos quatro cantos do país. Em 1913 uma tragédia comoveu a cidade, pois o proprietário de praticamente metade das minas de diamantes da cidade foi encontrado morto. O seu corpo foi avistado pelos funcionários do local que ao chegarem para trabalhar viram o corpo inerte do senhor Belmont sem vida, içado pelos pés com o pescoço degolado na entrada da mina central de suas terras. Na ocasião o seu sócio fui preso e condenado pela morte, mas de forma misteriosa escapou, mas segundo os locais ele jurou vingança contra todos de St. Alberta. Cento e cinco anos se passaram desde aquela noite, que ficou conhecida como o massacre da mina. A cidade prosperou embora o comércio de diamantes ainda seja uma de suas fontes de renda, mas não pela extração e sim pela grande fábrica de joias que emprega boa parte dos habitantes da cidade. A tecnologia trouxe inovação e aproximou os moradores do restante do mundo. Hoje St. Alberta possui uma população de quase 30 mil habitantes, sendo que muitos jovens começaram a chegar à cidade nos últimos cinco anos devido a criação da universidade com patrocínio do magnata das joias que fez de St. Alberta quase que sua cidade particular. Aos olhos dos mais inocentes, esta parece ser a cidade ideal para morar e prosperar, onde todos são cordiais e transparentes, contudo é possível afirmar que cada morador esconde cadáveres ocultos em seus quintais e armários, e acreditem nem sempre esses cadáveres são em sentido figurado.
Coluna Social
NOIVA EM FUGA... Recentemente o casamento de Annikki Rotters movimentou a orla de Penny Beach. A família Rotters mostrou que sabem como protagonizar momentos constrangedores e bizarros. A noiva simplesmente abandonou o noivo ao altar e saiu correndo rumo as pedras da praia, isso após, um discurso no mínimo excêntrico onde revelou que o casamento era apenas uma forma de tirar a família de uma crise financeira. Agora que a “donzela” largou o suposto “príncipe” no melhor estilo noiva em fuga, resta saber como os Rotters vão sobreviver em meio a elite de St. Alberta, ou simplesmente vão se conformar com uma vidinha medíocre de amor e cabana escolhida por Annikki em uma sentença que compromete toda a família Rotters. INCESTO? Chegou a essa redação por meio de um colaborador que preferiu não ser identificado que Eliel Bishop, assistente do prefeito de St. Alberta gosta muito de acampar com o pai, o policial Bryan Bishop, porém nesses momentos familiares existem muitas barracas armadas, além de outras trocas de afetos consideradas abomináveis até mesmo ao mais promíscuo dos homens. Ah se aquela floresta falasse quem sabe os pecados que a família Bishop anda cometendo nessa área pública da nossa amada cidade. Hans Buchard – Editor-Chefe Revista FAMA
Os membros mais ativos da semana

PARCEIROS

Data/hora atual: Qui Ago 22, 2019 4:39 pm

 
Por favor digite o seu nome de usuário e sua senha para conectar-se.
Esqueci minha senha
 
 
Registrar-se

Você ainda não tem uma conta ?
Você pode se cadastrar


Registrar-se